DEUS para Engenheiros, Físicos e Matemáticos.

“Se logo após o big-bang a relação entre a densidade do universo e sua taxa de expansão tivesse se desviado do valor previsto apenas parcialmente em 10 elevado à 15.ª potência (que significa um número 1 seguido de 15 zeros), o universo teria encolhido ou se expandido tão rapidamente que não haveria possibilidade de as estrelas e as galáxias se condensarem em sua matéria básica… A moeda girou no ar 1.000.000.000.000.000 vezes e caiu em pé uma única vez. Se todos os grãos de areia de todas as praias da Terra fossem universos possíveis – ou seja, universos que fossem consistentes com as leis da física como as conhecemos – e apenas um desses grãos fosse um universo que permitisse a existência de vida inteligente, então esse único grão de areia é o universo que habitamos”

    Chet Raymo, astrônomo e cientista.
    Retirado do livro “Alma Sobrevivente”, de Philip Yancey.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: